TCM deixou de analisar contas da Prefeitura de Ruy Barbosa devido a problemas

Das 417 prefeituras baianas o TCM deixou de analisar as contas referentes a 2015, em razão de erros processuais, auditorias, diligências, divergências documentais ou pedidos de vistas de outros conselheiros após apresentação de relatório pelo conselheiro relator, dos municípios de Araças, Cabaceiras do Paraguaçu, Elísio Medrado, Itaberaba, Itajuípe, Livramento de Nossa Senhora, Mairi, Medeiros Neto, Nova Soure, Ruy Barbosa, Santo Amaro e São Félix.


O TCM não especificou o problema que fez com que a cidade de Ruy Barbosa não tivesse suas contas analisadas.


O TCM – disse o presidente da corte, conselheiro Francisco de Souza Andrade Netto – cumpriu com seu dever, como órgão de controle externo, de fiscalizar a aplicação dos recursos públicos pelos municípios baianos.


 

Postagens mais visitadas deste blog

Auxílio Brasil de R$ 600, vale gás com valor de botijão inteiro e auxílio para caminhoneiros começam a ser pagos nesta terça; veja calendários

Autoridades caçam macaco selvagem que já atacou 10 pessoas em 11 dias

BB Auto oferece Consórcio sem entrada, sem juros, sem IOF e com os maiores prazos do mercado