Sobe para 50 o número de mortos em bombardeio a estação de trem lotada no leste da Ucrânia


Cinco das vítimas fatais eram crianças. Ataque aconteceu quando cerca de 4 mil pessoas esperavam trens na estação de Kramatorsk. Governador da região acusa Rússia, que nega autoria. Moscou concentra forças no leste da Ucrânia, onde Kiev prevê duros ataques nos próximos dias.


Ao menos 50 pessoas, cinco delas crianças, morreram e 98 ficaram feridas por conta de um ataque com mísseis a uma estação de trem na manhã desta sexta-feira (8) em Kramatorsk, na região de Donetsk, no leste da Ucrânia. O governo ucraniano acusa a Rússia de ter realizado deliberadamente o ataque, o que Moscou nega.

Segundo a companhia que administra a malha ferroviária da Ucrânia, dois mísseis atingiram a estação de Kramatorsk de manhã. De acordo com o governador da região, Pavlo Kyrylenko, 4 mil pessoas estavam na estação no momento do ataque. Elas se enfileiravam para tentar entrar em trens e deixar a região.

Fonte: G1 Globo

Postagem Anterior Próxima Postagem