Mulher é presa suspeita de espancar e matar marido deficiente físico na Bahia

 Uma mulher foi presa na cidade de Jaborandi, oeste da Bahia, pela suspeita de espancar e matar o marido, um idoso deficiente físico, na terça-feira (16). Ela chegou a dizer que os machucados da vítima seriam por causa de uma queda. Nesta quarta (17), ela segue detida e está à disposição da Justiça.

A vítima foi identificada como Antônio Francisco das Neves, mas a idade e o tipo de deficiência física dele não foram divulgados. O caso foi descoberto depois que ele foi levado, pela investigada, ao Hospital Municipal de Jaborandi.

O estado de saúde da vítima era tão grave, que ele foi transferido para o Hospital do Oeste, em Barreiras. Na unidade, a equipe de saúde desconfiou das lesões e acionou a Polícia Civil da cidade para relatar o caso.

O idoso não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital. O laudo de necropsia comprovou que ele sofreu espancamento e que a morte foi em decorrência das agressões. A polícia então pediu a prisão temporária da investigada.

Testemunhas foram ouvidas e relataram à polícia que, no dia em que a vítima foi agredida, a mulher estaria em casa com um amante, como explica o delegado Leyvison Rodrigues, responsável pelo caso.

“Iniciamos as investigações, começamos a ouvir pessoas, vizinhos e testemunhas, que nos disseram que no dia do crime a companheira da vítima estava com o amante em casa. Não obstante, a companheira da vítima passou a ameaçar as testemunhas e os vizinhos, o que nos fez representar ao poder judiciário pela sua prisão temporária, e colher de forma livre os elementos de prova e também esclarecer a motivação do crime”.

A polícia não divulgou se este homem, que seria amante da investigada, também será ouvido ou preso. Não há detalhes sobre o sepultamento do corpo de Antônio.

Fonte: G1 BA



Postagens mais visitadas deste blog

BB Auto oferece Consórcio sem entrada, sem juros, sem IOF e com os maiores prazos do mercado

Cadúnico: É possível atualizar aplicativo sem sair de casa

Jornalista da TV Globo, Gabriel Luiz é esfaqueado em Brasília